Artigos e Notícias - Dr. Marcelo Werneck

(31) 3568 5068 / (31) 99720 1872

Intestino saudável

Para termos um intestino saudável, nossa flora intestinal precisa estar repleta de bactérias boas, aquelas responsáveis por fortalecer o sistema imunológico, absorver adequadamente os nutrientes, metabolizar substâncias essenciais e combater diversos tipos de vírus.

 

Se você adotar alguns hábitos no seu dia a dia, logo sentirá os efeitos positivos não só na saúde intestinal, mas em todo o organismo, já que os órgãos/sistemas exercem influência entre si. 

O primeiro hábito, sem dúvida, diz respeito à alimentação, e aqui eu aproveito para falar que é indispensável ingerir fibras, beber aproximadamente dois litros de água por dia e ter cautela ao consumir certos alimentos considerados nocivos, como gorduras e frituras, pimentas picantes, enlatados, processados, bebidas alcoólica ou com gás, açúcares e carnes vermelhas.

 

O segundo passo para melhorar a saúde intestinal é praticar atividade física, qualquer que seja. Eu sou super fã de natação, tanto que, toda semana, eu e meu filho reservamos um tempo só para isso. Nosso corpo, pessoal, não foi projetado para ficar parado! 

Seguindo essas duas dicas, você diminui os riscos de acúmulo de peso, que é um problema sério que bagunça todo o corpo humano. Quanto maior o IMC, mais chances de desenvolver constipação, gases, entre outras encrencas. O terceiro hábito, portanto, é manter um peso ideal, que dê condições de o organismo funcionar plenamente. 

Você também precisa cuidar de suas emoções se quiser que seu intestino seja saudável. Uma série de estudos comprovam a relação entre estresse, depressão e Síndrome do Intestino Irritável (SII). Por fim, converse com seu médico sobre a ingestão diária de probióticos, que podem ser encontrados, por exemplo, em leites fermentados e iogurtes, ok?

 

E queria saber uma coisa: O que você faz pra melhorar o funcionamento do seu intestino? 

#colonoscopia #coloproctologia #constipacao #diarreia #floraintestinal  #prisaodeventre #sindromedointestinoirritavel

 

Comentarios

Nenhum comentário.

Comente aqui